CERRO LARGO FUTSAL/LOJAS BECKER

CERRO LARGO FUTSAL/LOJAS BECKER
Cerro Largo Futsal/Lojas Becker -Série Bronze 2017

sexta-feira, 1 de junho de 2012

COPA DO BRASIL 2013.

Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou em seu site oficial uma redistribuição de vagas na Copa do Brasil. Antes composta por 54 equipes oriundas de torneios estaduais, a competição nacional passará a ter 70 vagas deste tipo em 2013. Mais dez times virão do ranking nacional de clubes e seis da Libertadores, formando um total de 86, distribuídos em sete fases (veja na tabela abaixo os estados que foram contemplados com as novas vagas).


Caso o país só tenha cinco vagas no torneio continental, o mais bem colocado do ranking nacional de clubes será convidado para completar as oitavas de final (16 times). Ou seja, um torneio mata-mata será diputado entre 80 equipes, e dez estarão classificadas para as oitavas, somando os seis da Libertadores - ou cinco mais o convidado pelo ranking nacional.

Outra mudança confirmada pela CBF ainda em 2011 é em relação ao processo de classificação para a Copa Sul-Americana. A fase eliminatória brasileira deixará de existir. O Brasil enviará quatro representantes para a competição, e a escolha deles não será mais apenas pela classificação do Campeonato Brasileiro. Serão indicados os clubes que deixarem a Copa do Brasil antes do início da Sul-Americana, de acordo com a classificação do Brasileiro do ano anterior. Os mais bem colocados no Brasileirão 2012 que deixarem precocemente a Copa do Brasil de 2013 terão a chance de entrar na competição da Conmebol.


Estados Vagas a mais (vagas no total)

Rio de Janeiro Mais duas vagas (cinco vagas)
São Paulo Mais duas vagas (cinco vagas)
Rio Grande do Sul Mais uma vaga (quatro vagas)
Minas Gerais Mais uma vaga (quatro vagas)
Paraná Mais uma vaga (quatro vagas)
Pernambuco Mais uma vaga (três vagas)
Bahia Mais uma vaga (três vagas)
Goiás Mais uma vaga (três vagas)
Santa Catarina Mais uma vaga (três vagas)
Ceará Mais uma vaga (três vagas)
Pará Mais uma vaga (três vagas)
Rio Grande do Norte Mais uma vaga (três vagas)
Alagoas Mais uma vaga (três vagas)
Distrito Federal Mais uma vaga (três vagas)
Espírito Santo Nenhuma (duas vagas)
Paraíba Nenhuma (duas vagas)
Maranhão Nenhuma (duas vagas)
Amazonas Nenhuma (duas vagas)
Mato Grosso do Sul Nenhuma (duas vagas)
Sergipe Nenhuma (duas vagas)
Piauí Nenhuma (duas vagas)
Mato Grosso Nenhuma (duas vagas)
Acre Nenhuma (uma vagas)
Tocantins Nenhuma (uma vaga)
Rondônia Nenhuma (uma vaga)
Amapá Nenhuma (uma vaga)
Roraima Nenhuma (uma vaga)









Nenhum comentário:

Postar um comentário