CERRO LARGO FUTSAL/LOJAS BECKER

CERRO LARGO FUTSAL/LOJAS BECKER
Cerro Largo Futsal/Lojas Becker -Série Bronze 2017

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

MEXICANOS NO CAMINHO DO GALO .

O  Monterrey, representante da Concacaf, estará no caminho do Atlético-MG no Mundial de clubes da Fifa. Em sorteio realizado nesta quarta-feira, no Marrocos, o time brasileiro ficou do lado da chave que tem os mexicanos, o Auckland City (Nova Zelândia) e o Raja Casablanca (Marrocos).
Vencedor das últimas três edições da Liga dos Campeões da Concacaf, o Monterrey foi o terceiro colocado do Mundial de clubes da Fifa no ano passado, no Japão.
O Mundial de clubes de 2013 será disputado por sete equipes, e o início está previsto para o dia 11 de dezembro. Nessa data, o anfitrião Raja Casablanca jogará contra o Auckland City, da Nova Zelândia, em Agadir. O vencedor desse duelo enfrentará o Monterrey em uma das partidas das quartas de final.
No outro lado da chave, o campeão africano e o campeão asiático, times que ainda não estão definidos, jogarão por uma vaga nas semifinais. O time classificado nesse duelo enfrentará o Bayern de Munique.
O Bayern de Munique jogará no dia 17 de dezembro, em Agadir. O Atlético-MG entrará em campo apenas no dia seguinte, em Marrakesh. A decisão do Mundial está agendada para o dia 21 de dezembro, em Marrakesh.
O Atlético-MG assegurou classificação para o Mundial por ter vencido em 2013 a Copa Libertadores, título inédito na história do clube. A diretoria alvinegra esteve em Marrakesh nesta semana para definir hotel e logística para os 14 dias em que os brasileiros ficarão hospedados no Marrocos.
A edição deste ano será a primeira do Mundial de clubes no Marrocos. No ano passado, o evento foi realizado no Japão e teve um brasileiro como vencedor: o Corinthians, que fez 1 a 0 sobre o Chelsea na decisão.
"É muito importante receber o primeiro Mundial no Marrocos, principalmente pelas equipes que vão participar", disse Mahamed Rouraoua, porta-voz do comitê organizador do evento. "A Fifa considera o Mundial de clubes um dos eventos mais importantes do calendário. É uma abertura para eventos futuros", completou Mohamed Ouzzine, ministro do Esporte do país africano.

 *www.uol.com.br*

Nenhum comentário:

Postar um comentário