CERRO LARGO FUTSAL/LOJAS BECKER

CERRO LARGO FUTSAL/LOJAS BECKER
Cerro Largo Futsal/Lojas Becker -Série Bronze 2017

quinta-feira, 9 de abril de 2015

FELIPÃO SE DIZ SATISFEITO COM O TRICOLOR.

Felipão agradece empenho: "Ganhando ou perdendo, estava satisfeito"

Técnico do Grêmio elogiou postura, mas mostrou preocupação com chances desperdiçadas

Técnico do Grêmio elogiou postura, mas mostrou preocupação com chances desperdiçadas | Foto: Ricardo Giusti

Técnico do Grêmio elogiou postura, mas mostrou preocupação com chances desperdiçadas | Foto: Ricardo Giusti/Correio do Povo e Rádio Guaíba

A classificação do Grêmio foi por um fio, mas Felipão garantiu que mesmo que o grupo tivesse sido eliminado, não criticaria o desempenho em campo, nesta quinta-feira contra o Novo Hamburgo. "Ao término do tempo normal, falei para o grupo que ganhando ou perdendo estava satisfeito. Agradeci o empenho e tudo que fizeram", enfatizou. "Estão de parabéns por ganhar nas penalidades, mas eu estaria satisfeito com o segundo tempo, mesmo sem ganhar", reforçou.

"No primeiro tempo jogo foi mais equilibrado, mas no segundo não. Fomos superiores o tempo todo e criamos oportunidades", avaliou o treinador. Ele repetiu a preocupação com as conclusões, entretanto. "O erro continua sendo não aproveitar as chances que criamos. Produzimos cinco ou seis chances vivas de gol, mas fazemos no máximo um ou dois", ressaltou.

Felipão reclamou do formato das quartas de final do Gauchão, com apenas uma partida. Para ele, isso eliminou qualquer vantagem de classificar entre os melhores na primeira fase. "Um jogo só precisa rever a fórmula. Pra mim não é vantagem só jogar em casa num jogo", frisou. "Pode não estar no seu dia, após jogar todo um campeonato, e perder. Não acho benefício nenhum. Dois jogos é mais equilibrado", analisou o técnico.

Por conta disso, ele relatou ter feito um intervalo diferenciado com os jogadores. "Acontece de levar um gol. Precisa ter tranquilidade e por isso fiz substituições no intervalo e tive uma conversa um pouco diferente do normal. Eles estavam intranquilos", contou. "Precisamos de uma postura diferente daqueles últimos 20 minutos do primeiro tempo", explicou Felipão.


Nenhum comentário:

Postar um comentário