CERRO LARGO FUTSAL/LOJAS BECKER

CERRO LARGO FUTSAL/LOJAS BECKER
Cerro Largo Futsal/Lojas Becker -Série Bronze 2017

quinta-feira, 9 de abril de 2015

INTER SUA CAMISETA PARA VENCER O CRUZEIRO

A classificação suada do Inter sobre o Cruzeiro após a vitória nos pênaltis por 3 a 1 veio depois de uma boa atuação da equipe no estádio Beira-Rio. A avaliação é do presidente Vitorio Piffero, que considerou injusto o resultado parcial de 2 a 0 para os visitantes. O dirigente elogiou o poder de reação da equipe colorada. "Não conseguimos fazer muitos gols, mas tivemos a aplicação e a determinação necessárias para buscar a igualdade. O 2 a 0 era um placar atípico. Corremos atrás da vitória o tempo inteiro e acho que está foi a nossa melhor apresentação", disse em entrevista coletiva.

O presidente colorado discordou do técnico Luis Antônio Zaluar, que acredita que os times grandes do Gauchão têm sido favorecidos pela marcação de pênalti. O Inter teve duas penalidades assinaladas e isso causou a revolta do comandante do Cruzeiro. "Não tenho visto favorecimento. A bola bateu na mão do defensor e nas duas vezes ela iria em direção ao gol. Acho que o árbitro foi muito bem e acertou até nas expulsões", resumiu Piffero.

O mandatário do Inter aprovou o sistema de revezamento implantado pelo técnico Diego Aguirre. Segundo Piffero, o Colorado não é a única equipe a fazer isso na temporada. "Eu vejo vários times fazendo isso, principalmente aqueles que estão na Libertadores. Acho que os jogadores precisam estar em ordem de marcha, prontos para atuar. Até agora todos os atletas jogaram e não têm do que reclamar. A metodologia dele é diferente, mas tem o apoio dos jogadores, da direção e da torcida", garantiu Piffero.

www.correiodopovo.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário